22 abril 2009

Mulheres que revolucionaram o mundo pornográfico - Parte 2

Ola Pessoas!

Confesso que foi dificil encontrar essa segunda mulher.
No começo pensei em atrizes, mas a única atriz que revolucionou MESMO o mundo pornográfico, deixei para o próximo post, quem me conhece já sabe quem vou colocar..rs

Depois de atrizes comecei a pesquisar sobre mulheres que fizeram a direção ou produção de algum filme pornô, até que....

Candida Royalle

Uma americana que deciciu mostrar suas idéias...um filme pornográfico na visão totalmente feminina.
No fim da década de 70, Candida, até então atriz, se sentia insultada com os próprios filmes em que atuava, pois o que os diretores mostravam nos filmes pornográficos, poderia dar a entender a outros homens que as mulheres só gostavam daquilo que eles mostravam.
Em 1984, Candida montou sua própria produtora, a Femme Productions e começou a fazer sucesso com filmes como Three Daughters, que contava as descobertas sexuais de tres irmãs.

Confesso que quando comecei a ler sobre Candida não me empolguei muito não. E comecei a fuçar mais na net, até achar essa entrevista. E logo depois ver o trailer do ultimo filme dirigido por ela. (tive problemas para ver o filme no firefox, só consegui ver no internet explorer)

Adorei o trailer do filme e com certeza irei procurar para comprar, alem de parecer um filme bem feito, mostra muito melhor a reação das mulheres no filme, mostra elas sentindo prazer de verdade, coisa que não se vê muito nos filmes aqui do Brasil....

Então essa é a segunda personalidade que revolucionou o mundo pornográfico (mesmo com muuuuuuitos não a conhecendo)
Uma mulher que nos anos 70/80 teve a coragem de peitar todos os homens tarados e mostrar que ela tambem sabia fazer pornografia!!

O que assistir

No Brasil, há quatro filmes de Candida Royalle disponíveis nas locadoras.Os títulos lançados aqui são:

"Fantasias Urbanas" ("Urban Heat", 1984,Royalty).
Filmado em Nova York, marca a estréia de Candida na direção. O filme é composto por episódios curtos, bem interessantes. Numa das histórias, uma mulher de 40 seduz um jovem no elevador. Foi eleito o vídeo do ano pela crítica especializada de Nova York.

"O Segredo de Christine" ("Christine's Secret", 1985, Sexxxy).
Um dos melhores filmes de Candida, com fotografia belíssima, roteiro divertido e cenas excitantes. A sequência na qual Christine (Carol Cross) se masturba diante da janela do caseiro ficou famosa entre os aficcionados. Recebeu quatro prêmios da crítica de Nova York.

"Revelações" ("Revelations", 1993, Royalty).
Caprichada produção em 35 mm com roteiro futurista que lembra o romance "1984", de George Orwell. Num futuro cinzento, o sexo tornou-se apenas um meio de reprodução, mas Ariel (Amy Rapp) está empenhada em descobrir seu verdadeiro significado.

"Três Filhas" ("Three Daughters", 1986, Royalty).
Baseado no livro "Liberation Masturbation", de Betty Dodson, narra o despertar sexual de Heather (Siobhan Hunter), que encontra uma inesperada paixão após o casamento da irmã. Indispensável para quem aprecia o estilo feminista da diretora.


2 comentários:

Sir Stephen e SUA maria{SS} disse...

vim aqui lhe convidar para o bolo de aniversário de 4 anos de coleira!
vem festejar Conosco!
beijos felizes e doces

maria{SS}

Anônimo disse...

Gostaria de saber onde posso comprar esse filmes aki no brasil, existem algum site brasileiro que venda esses títulos. Obrigado